segunda-feira, 7 de novembro de 2016

NÃO OLHE! (Resenha)

Zyrk pode  estar com as horas contadas:a híbrida acabou de cruzar o portal,e o frágil equilíbrio entre os quatro clãs encontrasse definitivamente ameaçado. Há milênios, forças ocultas espreitam, aguardando apenas o momento de emergir das sombras e mostrar seu poder.

Nina acorda entre a vida e a morte na terceira dimensão, levada para a sombria Thron.Richard,o nada confiável resgatador de apaixonante olhos azul-turqueza,luta contra sua própria natureza.Cruel e sanguinário, Rick está confuso e cada vez mais cercado por seus inimigos.Ele e a híbrida viajarão por toda a Zirk,e ela irá se deparar com um universo fantástico, um mundo violento,o plano da morte.Lutando para se libertar de seus medos e determinada a encontrar seu caminho e sua identidade, Nina embarcará em uma jornada de descobertas arrasadoras,um percurso sem volta.




Olá, tudo bem com vocês?
Começo dizendo que mais difícil que a resenha de Não Pare! ,está sendo a resenha de Não Olhe! .
Pepper é fantástica  em sua escrita, nos envolve de tal forma que praticamente respirei tão somente por essa leitura.
E convenhamos,isso é muito difícil para uma mãe ,não é mesmo?
Não Olhe! é rico em detalhes nos submerge  a história, a viajar por toda a dimensão com Nina.
Fiquei apaixonada pelo casal ou (não) Rick e Nina.Fazendo com que não saia da minha cabeça uma comparação com outros casais difíceis da literatura estrangeira:
Nosso todo poderoso Grey e sua preciosa Ana (Cinqüenta tons de cinza) e Dexter e Emma ( Um dia).
Bom entendedores sabem que ambos são casais difíceis não é mesmo?
Mas,mais que isso o que me tocou a ponto de não ter digerido ainda a trilogia (após 1 semana do término da leitura) é o amor sem medida,a entrega e abnegação dos casais.
Como disse na primeira resenha ,eu me envolvi tanto na leitura que antes mesmo de fazer a primeira resenha já fui lendo o segundo e terceiro livro da série e por isso, nossa é difícil demais falar principalmente deste que foi o mais tocante da série.
Neste muitos pontos se encontram nos dando dúvidas ou nos tirando delas.

Nina se vê sozinha,perdeu sua mãe, sua única família.
Nina jamais poderia ter existido,sua vida põe em "perigo" toda a existência  de Zyrk.E tão somente por isso todos os clãs de Zyrk colocaram atrás dela seus melhores resgatadores.

"O TEMPO ESTÁ ACABANDO"

O que todos não sabiam é que o melhor resgatador de Thron e de toda a Zyrk viria  falhar em sua missão, fazendo com que isso dificultasse ainda mais a captura da híbrida.
Pode uma morte,um ser desprovido de bons sentimentos, uma maldição, se apaixonar por uma híbrida?
Tudo o que eles acreditam em Zyrk diz que não!
A lenda diz que a híbrida despertará curiosidades nos zirquinianos. E isso a coloca em perigo diversas vezes,despertando ainda mais sentimentos desconhecidos em Richard.
Em sua "morte" Nina se descobre forte e determinada, pronta para lutar por sua vida .
Viajando por toda Zyrk ao lado de Rick e em outros momentos com aliados é posto a tona muitas dúvidas.

"Siga os sinais..."

Será mesmo Nina e Rick que cumprirão  a profecia?
Será mesmo que eles mantêm amor um pelo outro?
Em sua jornada Nina descobre muito sobre a história de sua existência, assim como também a de Rick.
Mas será chegado o momento que ela estará disposta a dar as costas a toda essa profecia e seguir seu desconhecido destino.
A um passo de uma vida sem Rick ,sem Zyrk, sem família, sem vida, o jogo muda...Afinal de contas ela é somente uma carta neste jogo de interesses!




E para não dizer logo tudo o que quero (risos) até a próxima!